O QUE É O ALCOOLISMO OU A DEPENDÊNCIA ALCOÓLICA?



A dependência alcoólica (alcoolismo) tem quatro sintomas:

  • Fissura: uma forte necessidade ou compulsão, à bebida. 
  • Perda de controle: a incapacidade para controlar a ingestão de bebida em qualquer ocasião.
  • Dependência física: sintomas de abstinência, tais como náuseas, suores, tremedeiras e ansiedade, acontecem quando o consumo de álcool é interrompido depois de um período de consumo excessivo.

Uma dependência séria pode levar a pessoa a apresentar sintomas de abstinência que colocam sua vida em perigo, que começam de 8 a 12 horas após a última bebida. O delirium tremens começa de 3 a 4 dias depois, e a pessoa fica extremamente agitada, treme, alucina e desliga-se da realidade.

  • Tolerância: grandes quantidades de álcool são necessárias para que a pessoa tenha uma euforia.

Um alcoólatra frequentemente dirá que pode parar de beber quando quiser a qualquer momento, mas ele nunca “decide” parar. O alcoolismo não é um destino, mas sim uma progressão, um longo caminho de deterioração durante o qual a vida piora cada vez mais.

“Quando decidi parar de beber, percebi que o álcool tinha tomado conta do meu corpo de tal maneira que eu não conseguia parar. Costumava tremer como se fosse arrebentar, começava a suar e não conseguia pensar até que tomasse outro copo. Precisava disso para viver.

“Passei os 8 anos seguintes entrando e saindo de hospitais e clínicas de desintoxicação, tentando entender o que tinha acontecido comigo, como era possível eu não conseguir parar de beber. Foi o pior pesadelo e o mais longo que tive na vida.” — Jan