EFEITOS DOS OPIOIDES E DERIVADOS DE MORFINA

Crédito fotográfico: S.F.P.
Crédito fotográfico: S.F.P.

EFEITOS A CURTO PRAZO

Efeitos a curto prazo de opioides e derivados de morfina incluem:

  • Sonolência
  • Respiração reduzida
  • Prisão de ventre
  • Inconsciência
  • Náusea
  • Coma

EFEITOS A LONGO PRAZO

O uso contínuo ou indevido de opioides pode resultar em dependência física e dependência química. O corpo adapta-se à presença da droga e, se o uso for reduzido ou suspenso, surgem os sintomas de abstinência. Esses incluem: inquietação, dores nos músculos e ossos, insônia, diarreia, vômito, calafrios e tremedeiras. Também pode ser desenvolvida uma tolerância, o que significa que quem usa há muito tempo tem que aumentar as doses para se conseguir o mesmo barato.

Para mais informações sobre o abuso de analgésicos veja A Verdade sobre os Analgésicos.

“Um ‘amigo’ meu me ofereceu oxicodona. Comecei com tabletes de 40 mg, então, dois meses depois passei para 60 mg. Neste ponto eu estava realmente dependente e comecei a mastigá-los para ter efeito mais rápido e não ficar enjoada. Tinha que tomar um ao levantar de manhã, senão ficava doente. Tinha que tomar outro antes do meio-dia. Então mais uns dois de tarde e no começo da noite. Eu sabia que tinha ficado dependente porque eu precisava deles para o corpo poder funcionar. Eu me sentia muito mal sem eles. Não ficava só mal fisicamente, além disso, sem eles eu não conseguia lidar com as pessoas ou com a vida. Então cheguei às 80 mg e o meu mundo desabou. Comecei a roubar de todos que conhecia para conseguir uma dose...”   Charleen