O QUE É UMA DROGA SINTÉTICA?

As drogas sintéticas são criadas usando substâncias químicas artificiais em vez de ingredientes naturais.

Algumas drogas sintéticas que vêm sendo comercializadas no mercado, incluindo Ecstasy, LSD e metanfetaminas, são descritas em outros livretos da série A Verdade sobre as Drogas. Este livreto expõe os fatos sobre a “maconha sintética” (Spice ou K2), “estimulantes sintéticos” (Sais de Banho) e uma droga conhecida como “NBOMe”. Estas estão entre as drogas sintéticas conhecidas como “designer drugs”.

“DESIGNER DRUGS” — UMA EXPERIÊNCIA ARRISCADA

Para compreender o que é a maconha sintética e o que são os Sais de Banho e como estes apareceram, você tem que saber o que é uma “designer drug”. Uma “designer drug” é uma versão sintética (produzida quimicamente) de uma droga ilícita que foi levemente alterada para evitar que seja classificada como ilícita. Essencialmente, esta é uma experiência feita por um químico para criar uma nova droga que pode ser vendida de forma lícita (na Internet ou em lojas), permitindo que os traficantes façam dinheiro sem violar a lei. À medida que a polícia consegue apreender estas novas substâncias químicas e fazer com que sejam reconhecidas como ilícitas, os fabricantes inventam versões alteradas para burlar a lei. E assim, o ciclo se repete.

Algumas destas drogas são vendidas pela internet ou em certas lojas (como “material para cigarros de ervas”), enquanto outras são disfarçadas em produtos rotulados como “impróprio para consumo” (tais como “incenso de ervas”, “fertilizante”, “sais de banho” ou “limpa joias”) para mascarar seus propósitos e intenções e evitar regulamentos de saúde e segurança.

Devido ao crescimento constante do número de substâncias químicas que são criadas, os usuários das “designer drugs” não têm como saber quais elementos constituem as drogas que ingerem. Além disso, como uma pequena modificação de uma droga conhecida pode resultar — o que muitas vezes acontece — numa nova droga com efeitos muito diferentes, os usuários não têm como prever o impacto que estas substâncias causam na sua saúde quando a experimentam.

Nos Estados Unidos, cerca de 200 a 300 “designer drugs” novas foram identificadas entre 2009 e 2014, e a maioria delas foi fabricada na China.1 Mais de 650 “designer drugs” novas inundaram a Europa no ano passado. Algumas contêm substâncias químicas que ainda não foram completamente identificadas e cujos efeitos no corpo e mente humanos são desconhecidos.2