DO QUE A METANFETAMINA É FEITA?

Um laboratório de cristal de metanfetamina

Um laboratório de cristal de metanfetamina

A metanfetamina é uma substância química sintética (artificial), ao contrário da cocaína, por exemplo, que vem de uma planta.

A metanfetamina é comumente fabricada em laboratórios ilegais clandestinos usando várias formas de anfetaminas ou derivados, misturados com outras substâncias químicas para aumentar sua potência. Comprimidos comuns para resfriados são frequentemente usados como base para a produção da droga. O “cozinheiro” de metanfetamina extrai ingredientes desses comprimidos e, para aumentar a potência da droga, ele a combina com substâncias químicas tais como ácido de bateria, produto de limpeza de esgotos, querosene e anticongelante.

Estes produtos químicos perigosos são potencialmente explosivos e como os cozinheiros de metanfetamina são em si usuários de drogas e estão baratinados, frequentemente se queimam gravemente, ficam desfigurados ou morrem quando seu “cozido” explode. Acidentes assim põem em risco outras pessoas em casas ou prédios vizinhos.

Os laboratórios ilegais criam muito resíduo tóxico, por exemplo, a produção de cerca de meio quilo de metanfetamina produz 3 quilos de resíduos tóxicos. As pessoas que ficam expostas a estes resíduos podem sofrer de envenenamento e adoecerem.

“O dinheiro da Previdência Social não era suficiente para pagar o nosso hábito de metanfetamina e sustentar nosso filho, por isso, transformamos a nossa casa alugada num laboratório de metanfetamina. Armazenamos as substâncias tóxicas na nossa geladeira sem saber que as toxinas iriam penetrar na comida no congelador.

“Quando dei queijo para o meu filho de três anos comer, não sabia que lhe estava dando comida envenenada. Estava tão baratinada com metanfetamina que só 12 horas mais tarde foi que notei que meu filho estava fatalmente doente. Mas como estava tão baratinada, levei duas horas para descobrir como levá-lo ao hospital que ficava a 8 quilômetros de distância. Quando cheguei ao pronto-socorro, meu filho estava morto por causa de uma dose mortal de hidróxido de amônia, uma das substâncias químicas utilizadas na fabricação de metanfetamina.” — Melanie