O QUE É RITALINA?

Ritalina é o nome comum do metilfenidato, classificado pela DEA (Agência Antidrogas Americana) como um narcótico de Tabela II, a mesma classificação da cocaína, da morfina e das anfetaminas1. É usada por adolescentes devido aos seus efeitos estimulantes.

Mesmo quando a Ritalina é usada com receita médica pode ter efeitos colaterais graves, incluindo: nervosismo, insônia, anorexia, perda de apetite, alterações na pulsação, problemas cardíacos e perda de peso. O próprio fabricante diz que é uma droga que causa dependência.

Em junho de 2005, a Food and Drug Administration (órgão de Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA) publicou uma série de avisos de saúde, advertindo que a Ritalina e suas variações podem causar alucinações visuais, pensamentos suicidas, comportamento psicótico, bem como comportamento agressivo ou violento.

Um escritor disse o seguinte sobre a Ritalina: “Nunca se diz aos pais: ‘Ah, é verdade que de vez em quando uma criança morre só por tomar sua medicação prescrita.’ Ou ‘A propósito, crianças que tomam medicamentos estimulantes têm duas vezes mais probabilidades de usar drogas no futuro’. Ou ‘A propósito, um terço de todas as crianças que tomam estes medicamentos desenvolvem sintomas de comportamento obsessivo-compulsivo no primeiro ano de uso’.”

  1. 1. anfetamina: estimulante potente do sistema nervoso central (cérebro e medula espinhal), frequentemente chamado de rebite.


NOMES POPULARES


RITALINA Diet Coke Crack Infantil Ritalin LA Metilfenidato R-ball Rubifen Skittles Smarties Vitamina R